Por dentro da Assopoc

Assopoc consolida sua responsabilidade ambiental com adoção de uma energia limpa e renovável

Assopoc
20 de junho de 2021

Publicado por: Assopoc

Ser uma entidade filantrópica referência no acolhimento da pessoa em situação de vulnerabilidade social não é a única característica destacável da Associação dos Protetores das Pessoas Carentes. A Assopoc, como é mais conhecida, também consolida sua responsabilidade ambiental com a adoção da energia solar fotovoltaica em suas unidades.

“Há nove meses as unidades Lar dos Idosos e a Creche possuem as chamadas usinas fotovoltaicas, que utilizam painéis solares afixados nos telhados que captam a luz solar e geram energia”, explica o Diretor Administrativo da Assopoc e líder do projeto, Sérgio Melo – filho do presidente da instituição, Sérgio Coelho. Ele relembra os motivos pelos quais a entidade, localizada em Crucilândia, iniciou a pesquisa de um novo modelo de energia: “Estávamos buscando uma alternativa que proporcionasse uma economia nos altos gastos com energia, sobretudo no Lar dos Idosos, e que fosse limpa e devidamente positiva no ponto de vista ambiental”.

O responsável pelas usinas instaladas, Evandro Girardi, CEO da Solar Power Energy, afirma que só no Lar dos Idosos estão afixados 96 painéis de 365 W, gerando em média 3.822 kWh/mês. “Na Creche, posso dizer, que são 286 painéis de 365 W, com geração de 12.436 kWh/mês”. Os números ficam ainda maiores, haja vista que, a APAE-Crucilândia – instituição que é mantida financeiramente e administrativamente pela Assopoc – também conta os painéis. “Na APAE, são 113 painéis de 365 W, que geram ao fim de um mês 4.680 kWh. No total, podemos afirmar que são gerados mais de 20 mil kWh por mês”.

A viabilização das usinas, por sua vez, se deu por meio da captação de recursos via Fundos e o benefício não está sendo direcionado, somente, para a Assopoc e Apae. Outras instituições da região, como as Apaes de Piracema e Itaguara, o Asilo de Piracema e a Santa Casa de Misericórdia de Itaguara, também estão incluídas nesse projeto. “Ao todo, podemos afirmar, sem dúvida nenhuma, que a economia por mês [de todas as instituições e suas respectivas unidades] bate a marca dos 20 mil reais”, revela Melo, que finaliza confirmando a premissa inicial: “Com toda certeza, a responsabilidade ambiental também faz parte da missão da Assopoc e é uma meta que queremos expandir para toda a região”.

Posts Relacionados

Assopoc implementa nova gestão interna de saúde e eleva a qualidade do acolhimento

Assopoc
21 de outubro de 2021
leia agora

Instituto Galo promove Live em benefício da Assopoc e arrecadação supera marca dos 700 mil reais

Assopoc
16 de agosto de 2021
leia agora
Escritório de BH
Rua Engenheiro Ocelo Cirino, 55
Estoril - Belo Horizonte/MG
31 3378-2107
Sede
Rua São Vicente de Paula, 175
Vicentino - Crucilândia/MG
31 3574-1190
icone para o facebook icone para o facebook icone para o facebook
Marca Ingage